Contato       Doações      Associe-se       Login       

Esperança Realista

A história das pessoas que conhecemos através da ABRE mostra como a esquizofrenia pode se apresentar como uma doença grave e que desorienta a pessoa e a família. Mas isso é apenas o início de uma mudança de caminho na vida. É possível ter esperança e situações cotidianas vivenciadas pela pessoa com esquizofrenia e por seus familiares podem melhorar ao longo do tempo.

A esquizofrenia não é uma doença que se resolve naturalmente apenas tomando os remédios, como acontece, por exemplo, com uma infecção. Na esquizofrenia a recuperação se dá em um caminho de construção interior tanto da pessoa como dos familiares. Essa construção é um aprendizado que se adquire no convívio e nos relacionamentos.

Os remédios são fundamentais para que a pessoa tenha possibilidades de recuperação, para isso o médico psiquiatra conhece profundamente como funciona o cérebro e como agem os remédios, sempre procurando o que é melhor para cada caso.

Também são fundamentais abordagens psicossociais. Esses tratamentos ajudam a pessoa e seus familiares a redesenharem seus caminhos no sentido de adquirirem uma vida com qualidade.

 

 

 

Dixit Consultoria & Design -  CopyRight TM 2014 (Política de Privacidade)